PHDA e disfunção neurocognitiva

Sendo aceite que a PHDA tem uma etiologia neurobiológica, com comprovada expressão comportamental, algum do esforço desenvolvido tem procurado conhecer os correlatos neuropsicológicos desta perturbação. Com efeito, a concepção da PHDA tem sofrido alterações ao longo do tempo e se inicialmente havia uma focalização nos sintomas comportamentais caracterizadores desta perturbação, hoje, redireciona-se o seu foco também para o exame dos défices ao nível cognitivo, considerados centrais e os mais persistentes. Neste âmbito, a avaliação neuropsicológica da PHDA tem dado origem a uma extensa investigação em diversos domínios do funcionamento neurocognitivo. Neste trabalho, pretendemos apresentar o estado da arte relativamente à avaliação cognitiva e neuropsicológica de crianças com PHDA, discutir a sensibilidade e especificidade dos testes neurocognitivos na avaliação e caraterização desta população, apresentando igualmente resultados de alguns trabalhos desenvolvidos no nosso centro ao longo dos últimos anos. É nosso objetivo, em primeiro lugar, mostrar a importância de uma avaliação sistemática de variáveis neuropsicológica numa consulta de PHDA, que ajudem na planificação de intervenções mais ajustadas às características individuais destas crianças.

Simpósio PHDA

Há 7 anos a criar uma verdadeira comunidade de PHDA em Portugal debatendo as suas questões.

Contactos

geral(@)simposio-phda.pt
+351 963 010 262
Hospital Pediátrico de Coimbra

7º Simpósio PHDA em:

BID lab

BID lab

Contactos

  • +351 915 078 881
  • +351 963 010 262
  • geral@bid-lab.com
  • © 2016 Simpósio PHDA. All Rights Reserved. Designed By BID-lab